Lido: Trilogia Alexandros

ALEXANDROS_1 ALEXANDROS__2 ALEXANDROS__3

Romances históricos nunca foram o meu tipo de leitura favorito. Sempre achei que a História por si só já é suficientemente interessante. Mas sempre é bom ler algo diferente, as credenciais do autor são boas (é historiador e arqueólogo) e os livros estavam em promoção, então resolvi dar uma chance para a trilogia Aléxandros. E não me arrependi.

A primeira parte, “O sonho de Olympias” cobre desde o nascimento de Alexandre até os preparativos para a invasão da Ásia. O autor dá bastante espaço para o tempo que Alexandre e seus amigos passaram com Aristóteles. Ele descreve bem o relacionamento difícil entre Alexandre e seu pai e faz uma excelente descrição do assassinato de Filipe. Há pouca ação, porém. A batalha mais importante foi Queronéia, mas o autor não foi feliz ao relata-la. Esse defeito vai acompanhar toda a obra, que não prima pela boa descrição das batalhas.

“As areias de Amon” cobre a primeira parte da invasão de Alexandre à Ásia, até a confirmação da sua condição divina pelo oráculo egípcio. Nessa parte o autor se enrolou um pouco. Ele dá muita ênfase à tomada de Halicarnasso e ao embate entre Alexandre e o mercenário grego Mennon, transformado pelo autor em um grande personagem, com direito a morte heróica e tudo. As batalhas, que poderiam ser o ponto alto do livro, são mais uma vez fracas. As batalhas de Granico e de Issus são descritas quase que sumariamente. Já o cerco a Tiro é bem mais detalhado e ficou excelente. No posfácio o autor explica que esteve em visita às ruinas da cidade e isso pode explicar porque ficou tão bom.

A última parte, “Os confins do mundo” relata o final da expedição de Alexandre, a conquista plena da Ásia, a expedição à Índia e por fim a morte de Alexandre. Mais uma vez o autor perdeu a mão na descrição de algumas batalhas importantes. A de Gaugamela ficou insípida, ousaria dizer que até a descrição da mesma na Wikipédia ficou melhor do que no livro. Mas há méritos nessa parte. O autor faz bem a transição entre o Alexandre guerreiro e o divino, que se considerava um semi-deus. A tensão entre Alexandre e seus companheiros macedônios fica palpável a cada capítulo, a partir da destruição de Persépolis por Alexandre. A expedição à Índia conta também com muitos detalhes, muitos que eu jamais havia lido.

Ao terminar as quase mil páginas de Aléxandros, eu cheguei a algumas conclusões. Primeiro, que o autor se preocupou mais com a pessoa de Alexandre do que com as suas conquistas. Há mais diálogo do que ação, com especial interesse para as suas relações com seus amigos e seu exército. Segundo, que o autor tomou algumas liberdades, como aumentar o papel de alguns personagens como o mercenário Mennon ou o espião Eumolpo de Sollis. E terceiro, que ele dá pouca atenção às personagens femininas, com a exceção de Olimpia no primeiro livro.

Mas, no geral, a obra é boa. Escrita em linguagem acessível e com um bom ritmo na maior parte do tempo, a leitura não cansa e passa rápido. Para quem quiser entender melhor quem foi Alexandre pode ser uma boa pedida.

Veredito final: uma boa trilogia, bem escrita, mas com alguns pequenos defeitos. Nota sete.

About these ads
Marcado com: , , , , , , , , , , ,
Publicado em Leituras
Um comentário em “Lido: Trilogia Alexandros
  1. [...] Meus pais leem até hoje. Meu pai está lendo um box do Augusto Cury que ele mesmo comprou. Minha mãe, que infelizmente anda adoentada, está pondo as leituras em dia com a trilogia Alexandros, que eu já comentei aqui no blog. [...]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 325 outros seguidores

Categorias
Arquivos
Estatísticas do Site
  • 657,135 visitas

Member of The Internet Defense League

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 325 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: