A blogosfera está sendo invadida ?!

O post mais acessado hoje no WordPress em português do Brasil vêm de um blog evangélico. E até agora já recebeu mais de 40 comentários.

Uptade: 4 dias depois, já são 685 comentários.

Surpreso ? Eu não.

O proselitismo é marca registrada dos evangélicos. Outro dia mesmo o R. R. Soares disse no programa dele na Band que os evangélicos tem que ser chatos, incomodar, “porque eles não fazem parte do mundo”. A invasão no Orkut já aconteceu. Agora eles parecem querer marcar presença também na blogosfera.

O post em questão é uma explicação longa e entremeada de passagens cheias de fervor religioso que explica porque o conjunto musical gospel Diante do Trono vai fazer a gravação de seu novo CD ao vivo não mais na Praia do Flamengo, como antes pretendido, mas sim na Praça da Apoteose (isso mesmo, no Sambódromo).

Espantoso é que nos comentários quase ninguém parece se importar muito com a falta de espaço no Sambódromo, já que é esperado um público gigantesco (falam em um milhão de pessoas). Pelo contrário. Tem gente exultando que o evento vá acontecer num “lugar do pecado”. Alguém até citou uma profecia, que desconheço, que o carnaval brasileiro vai virar uma festa de louvor. Será ???

Impressionante também que contei pelo menos duas pessoas que tiveram sonhos com mensagens relacionadas ao evento em si. Das duas uma: ou esse pessoal precisa de um psicólogo ou Deus anda fazendo hora extra nos sonhos alheios. Isso não seria inédito na história cristã. José teve um sonho que o mandou fugir para o Egito e Paulo sonhou que devia ir pregar na Grécia (onde, “coincidentemente”, ele obteve os maiores sucessos da sua carreira missionária), por exemplo.

Em resumo, o blog, o post e seus comentários são imperdíveis para quem quiser entender como é a mente dos evangélicos modernos (é uma tarefa árdua, já vou adiantando). E também para se preparar para o futuro. Se cuida, Cardoso. A invasão evangélica na blogosfera parece que está só começando. Já pensaram nas possibilidades ? Um “Efetividade cristã” com dicas para o evangélico moderno, sem tempo para ler a Bíblia e os afazeres da vida moderna ? Um Alessandro Martins gospel, com dicas para uma leitura mais rápida e fácil da Bíblia, além de resenhas de livros evangélicos ? Um Verdade Absoluta só com piadas sobre católicos, judeus e mulçumanos ? Um Papo de Homem com dicas de como ser fiel à sua esposa e se manter virgem antes do casamento ? Quem viver, verá. Eu, particularmente, prefiro morrer antes.

Anúncios

29 comentários sobre “A blogosfera está sendo invadida ?!

  1. Puxa cara, coloquei o link errado, na verdade é Café com Livro, e não Café com Gelo, apesar de ser um blog legal também, ele fala muito de códificação.

  2. WOW… Henderson,

    que achado esse post… recebi de um amigo, também evangélico e blogueiro de Cristo assim como eu, já ouviu falar da expressão?

    Pois é… o proselitismo é de fato real, mas não na blogosfera… isso vc pode ter certeza.. blogs iniciam conversações entre cristãos e não-cristãos, ateus ou seja lá o que for, não impomos nada… apenas mostramos a diferente maneira que vivemos e compartilhamos experiencias… é simples…

    Blogosfera é uma comunidade, e por ser comunidade, é claro que não poderia faltar a “comunidade evangélica” entende? 🙂 Isso é fato… nada de invasão, apenas mobilização… sempre estivemos por aqui, porém, a medidade que a cultura evangélica vai aumentando, a evidência evangélica também aumenta..

    enfim… tudo parece engraçadinho, porém as vezes esquecemos da chave que segura cada macaco no seu galho: RESPEITO.. 😉

    continue Depokafé e veja onde vai parar.. hehehe… essa é só para descontrair… depois passa lá no blog e concerteza um bom lugar para “entender” ainda mais a mente do evangélico… =)

    grande abraço

  3. Respondendo em massa:

    Tiago:
    Nichos sempre existiram. Há nichos mais populares do que outros, isso é fato.

    Guilherme:
    Estou aguardando o seu post. Vai ficar genial.

    Adriano:
    Não conhecia os links. Vou dar uma olhada, obrigado.

    Dan:
    Como eu disse para o Tiago, nichos, ou “comunidades”, como você as chama, sempre existiram. Devem haver centenas de bons blogs sobre, por exemplo, carros e tunning, e eu não conheço nenhum, pois o assunto não me interessa.
    O meu post quis chamar a atenção para que um post num blog de um nicho – ou seja, evangélico – atingiu o primeiro lugar no WordPress.com. Geralmente o ranking é dominado por blogs de tecnologia, fofocas de programas de TV, futebol. Achei sui-generis que um blog evangélico chegasse a esse posto e por isso resolvi escrever sobre o assunto.
    Discordo de você quando diz que blogs evangélicos não é proselitismo. Não é tão agressivo como as Testemunhas de Jeová batendo na minha porta no domingo de manhã, mas o intuito é o mesmo, na minha opinião.
    Por fim, o fato do blog se chamar “Depokafé” não inclui nenhum componente ateu ou anti-religioso ao meu blog, apesar de temas religiosos serem recorrentes por aqui.

    Obrigado a todos pelos comentários e voltem sempre.

  4. Que interessante isso, né?? A diversidade!!
    Só que eu não imaginava que existia tanta intolerância na blogosfera!
    Sempre entendi que a blogosfera fosse um lugar aberto para todos! Para falar sobre qualquer assunto e escrito por qualquer um. Uma das maravilhas do jornalismo informal!

  5. Gostaria de deixar comentários junto dos meus amigos da Blogosfera Cristã, qua já tem até comunidade no orkut, memes, e mais um monte de coisinhas espalhadas pela web.
    Eu classificaria o “nicho” evangélico apenas como segmentação. Tem gente que fala de Adsense, tem gente que fala de gadgets, tem gente que fala de produtividade, outros de publicidade, e nós cristãos evangélicos falamos daquilo que vivemos: o evangelho.
    Desculpa o comentário em tom evangelístico, mas acho que como você citou aí em cima: essa é a intenção.

  6. Realmente, Thiago, “segmentação” me parece um termo melhor do que “nicho”.
    E foi justamente o fato de um blog para um segmento não tão em evidência que me motivou a escrever o post. Talvez até antes da minha vida de blogueiro (o blog tem menos de 3 meses) isso tivesse já acontecido, mas é que o fato me chamou a atenção. São mais de um milhão de blogs no WordPress.com, e o português do Brasil é uma das línguas mais acessadas, de acordo com o próprio blog oficial do WordPress.com.
    E eu não disse que o proselitismo fosse algo ruim. Pelo contrário, explica a existência de um segmento evangélico na blogosfera e o sucesso do post que motivou o meu texto.
    Obrigado pela visita, Thiago, e volte sempre.

  7. Olá Henderson! Parabens pelo seu blog, gostei muito. E acho que vc é um dos primeiros a abordar esse tema dos evangelicos “invadindo” a blogosfera.

    Vejo com naturalidade isso, porque trabalho com jovens e sei que tenho que falar a linguagem deles. Tem muitos bons blogs cristãos como os que o Adriano citou mas nenhum conseguiu a repercusão que o da Ana Paula Valadão já que ela é muito mais pop que nós simples blogueiros hehehe..

    A questão é transformar o blog uma extensão da igreja (como a Ana Paula está fazendo) ou criar um conteúdo que possa ser acessivel a todos, eu gosto mais da segunda idéia.

    Espero que você fique atento a blogosfera cristã e possa participar conosco de nossas discusões trazendo também a sua visão sobre os assuntos que desenvolvemos!

    Um grande abraço!

  8. Olá Henderson e demais…
    Muito oportuno este tema, por dois motivos:

    1. A blogosfera é um espaço aberto e democrático e nunca haverá “invasão”. Cada um no seu tema, mantendo o respeito. Henderson, entendi o motivo do seu artigo, pois realmente um post de tema religioso dominando um espaço normalmente tomado por outros assuntos é no mínimo interessante. Mas veja pelo lado da diversidade, esta é a melhor parte da Blogosfera. E outra coisa, vc escreve bem, parabéns!

    2. Ainda hj li alguns posts acerca do respeito pelo que o outro posta e principalmente pela “disputa” de atenção e acesso. O Wagner Fontoura iniciou um tema (http://boombust.blog.br/2007/07/06/uma-campanha-pelas-campanhas/) sobre campanhas de divulgação dos blogs e eu emendei com o tema “Por uma Blogosfera Solidária”. Seria muito interessante ver a opinião de vcs: http://www.cabianca.net/marketing/?p=41

    Um grande abraço e parabéns a todos por este rico debate!

    Ricardo Cabianca
    Estou Blogado! http://www.cabianca.net

  9. Everson e Ricardo: antes de mais nada, obrigado pela visita e pelos comentários. Voltem sempre.

    Eu concordo que a diversidade é a melhor parte da blogosfera. Uma das melhores, digo, porque os comentários também são uma parte boa. Acho que muita gente se escandalizou com o título do meu post, que fala em invasão. Mas eu não vejo isso como uma coisa ruim. Eu pensei em invasão no sentido que a blogosfera evangélica, que já existia, está agora adquirindo uma notoriedade nunca antes vista. Para quem não está ligado no que acontece, parece mesmo uma “invasão”.
    Para quem, como eu, mora no interior do país, certas coisas que acontecem demoram mais para chegar por aqui. Se em grandes cidades como o Rio de Janeiro os evangélicos já são uma parcela significativa da população, aqui no interior onde moro o número de adeptos ainda é pequeno. Por isso foi um choque para mim a audiência que o post em questão conseguiu.
    A própria discussão que estamos tendo aqui é uma prova da força dos blogueiros e internautas evangélicos, pois esse post se transformou no segundo post mais lido desse blog, só atrás de meu post sobre a doença inglesa do suor (não sei bem porque), mas que foi postado a mais de 40 dias atrás.
    Em suma, eu acho que uma boa discussão é aquela em que aprendo algo. E o que eu aprendi com essa discussão é que eu preciso abrir os olhos para a blogosfera cristã. Pelo menos quando os peixes grandes da blogosfera notarem o que está acontecendo, eu vou poder dizer que “eu já sabia”.

  10. Oi Henderson,

    Voltei para ver os comentários e a sua resposta ao meu. E fiquei impressionada com essa sua ultima resposta.

    Bem, acho que não foi só o título que “escandalizou”, mas parte do seu texto e principalmente o seu desfecho: Quem viver, verá. Eu, particularmente, prefiro morrer antes.”

    Eu tenho dois blogs um que fala de assuntos diversos e muitas vezes defendendo causas sociais. Um exemplo são as blogagens coletivas e que acontecerá um amanhã. Outro blog eu só falo de temas cristãos e tenho tentado reunir esses blogueiros cristãos para conhecer a diversidade dos pensamentos cristãos! Tenho me impressionado com a qualidade e o teor de muitos “posts”. Mesmo que os demais leitores tente analisar a mente moderna de um cristão… Verá que existem cristãos de opiniões diferentes, mesmo que todos tenham somente um foco!

    Já que vc mencionou em abrir seus olhos para a blogosfera cristã… Te convido a vir dar uma olhada na nossa comunidade no orkut. Acho que vc vai gostar muito e verá como é diversificado.

    http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=28121428

  11. Obrigado por ter voltado, Poliane.
    Nós tivemos um óbvio problema de comunicação, Poliane. Se você tivesse me dito desde o começo o que lhe incomodou no meu post eu já teria esclarecido a situação. Mas antes tarde do que nunca, não é mesmo ?
    Quando o Dan, se não me engano, disse que meu post tinha sido algo irônico, eu fiquei boiando. Irônico, onde ? Mas agora, depois do seu comentário, a minha ficha caiu. Vocês não gostaram do final.
    Devo dizer em minha defesa que fui incompreendido. Culpa minha, é claro, afinal, eu deveria ter sido mais claro.
    O que eu quis dizer foi bem simples: se acontecesse uma substituição dos sites/blogs que eu citei por versões evangélicas, eu preferiria não estar vivo para ver.
    Apesar de não parecer, não foi nenhuma declaração anti-evangélica. Se ofendi você ou alguém, me desculpe. Serei mais cuidadoso da próxima vez.
    Volte sempre, Poliane.

  12. Até eu prefiro morrer sabe porque Henderson??
    Qual seria a diferença de um blog que aborda temas cristãos se todos os outros também fossem cristãos.
    Seria apenas mais um!
    E eu considero o seu post irônico sim Henderson, e que bom, o tornou engraçado.
    Desde que usada com inteligência a irônia é muito boa, ninguém precisa de mais um chato na Blogosphera para falar de Adsense e essas besteiras.
    Eu assinei o feed do seu blog justamente por isso: o seu blog é diferente, e a ironia está até no nome do blog.
    Até +.

  13. Obrigado pelo elogio, Thiago.
    Eu tento colocar um pouco de humor nos meus textos, por mais árido que seja o assunto. Só preciso tomar cuidado para não ser irônico demais. Mas com o tempo eu pego o jeito. Ou não.

  14. Amigo

    Eu sou um evangélico e tenho blogs.

    Sobre blogueiros cristãos, não vejo como uma ameaça essa presença virtual de pessoas que alimentam sua fé. É óbvio e ululante que todos podem se expressar.

    E a presença virtual de crentes, como alguns dizem, não se trata de uma uma INVASÃO porque o espaço da blogosfera é livre, não tem dono.

    Eu vejo essa situação como uma maneira de se quebrar o velho preconceito que quase ninguém pronunciava existir, mas que sempre existiu. O povo evangélico no Brasil sofreu e sofre por causa dele, tem sido esteriotipado de todas as maneiras (inclusive quando a intenção não é degrenir há esteriotipação!)…

    Agora, com o advento da popularização da internet, e uso dos blogs por crentes, o povo evangélico poderá ser visto como ele exatamente é, se apresenta por iniciativa própria e não mais é apresentado segundo a descrição do que outros dizem ser ou que querem fazer pensar que ele seja.

    Abraço.

  15. Eliseu, não sei se você acompanhou a discussão que ocorreu aqui nos comentários, mas de forma alguma a minha intenção em descrever uma “invasão” foi de forma negativa. Foi só uma constatação, para os mais desavisados, que a blogosfera neo-pentecostal pode tomar de assalto os primeiros lugares de audiência nos blogs.

    É só você reparar nos blogs mais visitados aqui no WordPress.com, por exemplo. Quando eu comecei, em abril, eram sempre os mesmos que apareciam: blogs sobre fofocas, sobre tecnologia, sobre esportes. Quando o blog do Diante do Trono apareceu entre os mais vistos, foi uma surpresa que justificou o meu post. Hoje em dia é natural pelo menos um blog neo-pentecostal aparecer entre os mais vistos do dia. O blog da Escola Dominical da EBD, por exemplo, é freqüentador assíduo dos primeiros lugares diários por aqui.

    Para um desavisado, isso é algo extraordinário. Para mim, é só o começo da invasão. Não que invasão signifique algo mau. É só o que a palavra quer dizer: uma tomada de assalto dos primeiros lugares. Se ela vai ser boa ou ruim, só o tempo dirá. É simples assim.

  16. A blogosfera evangélica é muito maior do que se imagina, veja o blog União dos blogueiros Evangélicos (http://blogueirosevangelicos.blogspot.com).

    Tenho meu blog evangélico também (www.evangelizacao.blog.br) e o que fazemos é apenas uma forma de dizer para as pessoas que Jesus ama cada um de vocês e que vocês PRECISAM MUITO de Jesus.
    Visite meu blog e entenderam melhor.

    []Luis

  17. Amado amigo;

    Estive analisando seu artigo e percebi que te falta conhecimento biblico, José não fugiu para o Egito (foi vendido como escravo), sua aversão aos evangelicos é explicavel, pois vc ainda não tirou dos olhos a lama, precisa enxergar o mundo como ele é de verdade…A proposito, se vc é tão catolico e conhecedor da biblia, me explica porque vcs desobedecem a palavra de Deus, como está em Exodo 20:4, aonde diz que é abominal aos olhos de Deus a idolatria a imagem e esculturas…por que continuam a adorar a imagens… a proposito também, respondendo a algumas pessoas que dizem que os evangelicos são órfãos de mãe, estamos apenas obedecendo a Maria, quando ela disse, “vai e faça tudo o que Ele mandar…”, então obedecemos a Ele, principalmente quando Ele disse: ” Eu sou o caminho a verdade e a vida, ninguem vai ao pai se não for por mim…” então amado, não existe intermediarios, quando orar fale com Jesus, Ele é o caminho.

  18. Acho que você é quem precisa ler mais a Bíblia, minha cara. O José a que eu me referi no texto foi o pai terreno de Jesus, não o filho de Israel…

    E você precisa melhorar a sua dedução também. Eu nunca disse que sou católico e não sou mesmo. Aliás, sou um crítico da igreja romana, olhe os outros posts do blog antes de comentar.

    Volte sempre.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s