Casos de família

Hoje em dia é lugar-comum as pessoas dizerem que a “família está mudando” ou, sendo mais radical (ou realista, dependendo do ponto de vista) dizer que a “família tradicional acabou”.

Claro que essas opiniões dependem da perspectiva da qual você vê o problema. Se você é o feliz (ou nem tanto) rebento de uma família “moderna” então não mudou nada. Mas se os nossos avôs saíssem das suas tumbas (isso supondo, é claro, que seus avôs já morreram, meu prezado leitor) eles com certeza teriam uma síncope ao saber de notícias como essas:

Pai e filha chocam Austrália ao revelar relação e filhos. Um caso clássico de incesto, mas esse foi admitido em rede nacional para toda a Austrália ficar sabendo. Até os cangurus se escandalizaram. E esse não é o único caso recente: na Alemanha um casal (no sentido “bíblico da coisa) de irmãos perdeu na justiça e devem ir os dois para a cadeia pelo mesmo motivo. E olha que o máximo que vai acontecer com esses incestuosos vai ser a cadeia. Na época dos nossos avôs isso seria resolvido com uma cartucheira cano duplo e algumas balas. Mas hoje em dia, depois de alguns anos de cadeia pai e filha vão poder criar seus filhos em paz – desde que consigam fugir da polícia ao mesmo tempo, claro.

Outra coisa impensável na época dos nossos avôs seria o caso da mãe britânica que foi voluntária para um documentário da BBC e passou um mês fumando maconha num “smoke bar” na Holanda (aquele país vizinho da Bélgica). Nicky Taylor, a mãe em questão, disse que queria saber o que aconteceria com algum dos seus três filhos se eles usassem a droga. Louvável, mas impensável em outras épocas. Eu posso até imaginar o que meu avô faria com um filho maconheiro: lavaria a boca dele com sabão durante uma semana. Além da surra de vara de goiabeira, claro. Depois ele ia pitar o seu cigarrinho de palha que ninguém é de ferro. Mas agora não, a sra. Taylor vai ser estrela de documentário da BBC, o que é uma grande honra (lembra daqueles documentários sobre dinossauros que passavam no Fantástico ? Então, eram da BBC).

Outra notícia da Inglaterra: uma mãe foi presa por inventar para o próprio filho de três anos (e para os médicos também) que ele precisava de cadeira de rodas. E fez isso por quatro anos ainda por cima. Porque ? Ninguém sabe. Ela pegou quatro anos de prisão, já que os britânicos tem a irritante mania de fazer cumprir as leis. Nos “bons tempos” (bons para quem mesmo ?) ela seria linchada em praça pública. Mas nos “tempos modernos” ela vai ficar presa e depois de alguns anos (décadas ?) de terapia quem sabe o seu filho consiga olhar para ela sem ter vontade de esgana-la…

Enquanto isso no Brasil, a lésbica Thammy Gretchen vai entrar com o óvulo, o homossexual e assessor dela Cacau Olliver vai entrar com o esperma e a irmã dele com o útero e mais uma criança vai chegar para se somar aos mais de 6 bilhões de almas desse planeta. (Não acredita ? Clique aqui). Isso que vai ser família moderna, já que o rebento (ou rebenta) vai ser criado por Cacau e seu companheiro e, de acordo com a notícia, também por Thammy. Nada mais natural, ele (ou ela) vai ter dois pais e duas mães. O protótipo perfeito da família do futuro, não acham ?

Por isso, meu caro leitor, minha prezada leitora, se você ainda tem uma família “normal” com um pai e uma mãe casados uma única vez e quiça uns irmãos, você em breve será peça de museu. Mas não desanime…seus pais ainda podem se separar e você não será visto como uma aberração do século passado…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s